Perfil

Letícia Rêis Monteiro (Lê)

Feminino. Data de Aniversário: 27/10. 2359 visualizações


Testemunho de Conversão

 

Acredito que tudo começou muito antes de nascer, com minha avó paterna, os frutos de suas orações e suplicas não são somente a minha vida, mas também a vida do meu pai!

Quando meus pais casaram, nenhum deles conhecia verdadeiramente Jesus, enfim depois de alguns anos de casados Satanás conseguiu destruir essa união com varias artimanhas sujas, usando até pessoas da família...

Acredito nos planos e propósitos de Deus para minha vida, pois ainda quando estava no ventre, minha mãe sofreu um acidente serio de moto que poderia ser fatal se não fosse a mão de Deus, não só isso mas também o fato de algumas pessoas ficarem falando para minha mãe tirar a criança, servos do inimigo...

Cresci criada por pais separados e minha avó materna, mas como minha mãe tinha que trabalhar, passei mais tempo com minha avó, que sempre me ensinava o catolicismo mesmo não sendo praticante, cresci vendo vultos, sempre indo em benzedeiras, mesmo sendo criança tudo aquilo já me incomodavam muito...

Eu e minha mãe mudamos, passamos por momentos muito difíceis, minha mãe doente tomando remédios fortes, uma grande opressão sobre a vida dela,nisso uma mulher que trabalhava com ela falou que ela só seria liberta da depressão que passava, se convertendo! Sendo assim minha mãe começou a visitar uma igreja evangélica, sempre ia com ela, e não gostava, pois ficava na escolinha e professora nos ameaçava falando que o “bichão” ia nos pegar e apagava a luz, era horrível.

Minha avó mudou-se perto de nós, e sempre íamos em sua casa, até que conhecemos o seminarista Anderson, que hoje já é pastor de uma igreja em Maringá , ele durante muito tempo sempre visitava minha avó e eu sempre ouvia seus conselhos assim como minha mãe, até que fomos visitar a Missionária do Imagawa, fui e gostei muito.

Depois de um tempo, já adolescente, me convidaram para participar dos grupos de estudos e eu aceitei. Pouco a pouco fui conhecendo a verdade. Que maravilha, na minha adolescência Deus começou a moldar meu caráter, minha vida, me transformar...Aos 12 anos decidi então me batizar, porém minha mãe não permitiu pois achava que era um passo muito sério e que eu desistiria de servir ao Senhor, permaneci firme no propósito, e  enfim minha mãe cedeu não havia me batizado antes pois sabia que tinha que respeitar minha mãe mas no meu coração o desejo de batizar crescia...Finalmente  fiz o curso de verdades básicas e assumi publicamente aos 13 anos que Jesus Cristo é o Senhor e Salvador da minha vida!

Muito levantes aconteceu depois disso, o inimigo tentou contra minha vida várias vezes... Uma delas foi quando voltava do trabalho de bicicleta, não vou entrar muito em detalhes, mas um carro passou um palmo da minha cabeça, porém como diz a palavra do Senhor “mil cairão ao teu lado e dez mil a tua direita mas tu não serás atingido”. O Senhor tem me guardado e sustentado, quero viver todos os dias da minha vida para ele...

Confesso que muitas vezes tive vergonha de testemunhar, pois ouvia testemunhos tão marcantes como, de um livramento de morte, de drogas entre outras coisas tão dificeis, que me deixavam achando que meu testemunho não era bom, mas Deus falou grandemente comigo, que o maior Testemunho não é aquele que fala do passado da pessoa mas sim aquele que fala do que Deus tem feito, e agradeço a Ele por suas obras em minha vida!!! Agradeço por continuar agindo em mim, não tem testemunho maior do que esse, de um Deus que se manifesta no seu povo e ao seu povo!!!

 

Testemunho do Chamado

 

O chamado de Deus pra mim, não foi algo que aconteceu de uma vez, no decorrer da minha caminhada cristã Deus foi me mostrando o quanto queria e quer me usar!

Após minha conversão, buscava a Deus o fogo do primeiro amor, realmente sedenta, tinha prazer em estar na presença Dele, lendo a bíblia, indo na igreja, orando...

E a primeira vez que Ele falou comigo em relação ao meu chamado foi quando estava passando por um momento muito difícil, então o Senhor usou uma senhora na igreja que nem me conhecia e não sabia o que estava passando, ela chegou por trás de mim e começou a dizer que Deus tinha me chamado para algo grande que ela não sabia o que era, mas Deus tinha mandado falar... Aquilo me animou muito, e foi uma das coisas me ajudou a passar por aquele momento.

Prossegui em seguir e servir a Deus, então surgiu o curso de AQSM na igreja,  nele dizia que tinha o dom pastoral, meus pastores reconhecem meu chamado e sempre me apoiaram, comecei a ir na Sat no ano de 2008, a convite deles mesmos, para ver o que achava, na primeira vez gostei muito, Deus falou grandemente, usando pastores pra me encorajar...

Fui pela segunda vez na Sat, no ano de 2009, só que dessa vez foi diferente, foi muito forte, principalmente na mensagem dinâmica, no final dela começamos a orar, e ajoelhada orando baixinho comecei a perguntar a Deus, o que estava fazendo ali, uma menina no meio de tantos pastores, homens de Deus, e estava recordando o que Jeremias disse quando foi chamado, e dizia o mesmo para o Senhor; “Deus não passo de uma criança...” Não sei falar maravilhosamente bem como estes homens falam, e pedia para o Senhor confirmar o meu chamado naquele instante, e no meio daquela multidão de pastores veio uma mulher que não conheço e começou a falar, ela foi boca de Deus pra minha vida, e realmente confirmou, respondeu tudo o que tinha falado pra Deus, que tremendo, que maravilha ver Deus agindo...

No ano 2010, participei novamente da Sat, e foi uma bênção como sempre, não fui enviada ao seminário logo após essas confirmações porque não podia entrar sem o ensino médio completo, e como fazia magistério (que são quatro ano) tive de esperar, no ano seguinte também não entrei por perder o tempo das entrevistas dos bolsistas, mas esses anos de espera me deixaram com mais certeza dos planos de Deus pra mim e mais sedenta de conhecer e fazer o Senhor conhecido!

Finalmente no ano de 2011 entrei no ISBL, as grandes coisas que Deus tem me revelado naquele lugar só me faz querer mais e mais servir a esse Deus extraordinário.

Obrigada Pai por ter me ensinado desde a minha mocidade, eis-me aqui, me envie para cumprir teu chamar e anunciar as tuas maravilhas por toda minha vida...





Você precisa estar conectado para poder ver e inserir comentários